LOGIN:

Digite seu email:
Senha:
Esqueceu a senha? Cadastre-se grátis


Plano de emagrecimento

FERRAMENTAS
& TABELAS


PLANO DE
EMAGRECIMENTO
SUADIETA

Plano de Emagrecimento

faixa_saude.png

ESTRESSE: O GRANDE VILÃO DA QUEDA DE CABELO

Estresse: o grande vilão da queda de cabelo
Dra. Dayana explica que a queda de cabelo pode ser um sintoma de alguma outra doença mais grave e precisa ser investigada. 
Imprimir
enviar por email
Compartilhe:
Tomar banho com água muito quente pode aumentar a queda de cabelo? Meu pai é calvo, serei também? Lavar o cabelo todo o dia faz com que caia mais? Perguntas como estas são frequentes no dia a dia de quem percebe alterações nos cabelos. O alerta acontece principalmente quando aumenta o número de fios que ficam nas escovas, nos ralos do chuveiro, pelo chão da casa ou ainda quando prende o cabelo em um rabo de cavalo que está cada vez mais fino ou percebe que as "entradas" na testa estão crescendo. "A causa mais comum é o estresse. Seja por divórcio, problema com os filhos, perda de ente querido ou por um estresse físico. Até mesmo uma cirurgia plástica - que é uma escolha - pode causar um estresse no organismo", explica a dermatologista Dayana Espíndola Volpato Thá, da Clínica Thá Dermatologia. Mas, outros fatores podem ocasionar a perda de cabelo. 

Por dia perdemos de 50 a 100 fios de cabelo, o que não é muita coisa comparada aos mais de 100 mil fios que temos no couro cabeludo. Conforme vamos envelhecendo, nossos fios de cabelo vão se tornando cada vez mais finos e ralos. Nos homens, a tendência é que a queda ocorra, principalmente, no topo e na linda da testa, ocasionando as entradas. Já nas mulheres ele acontece no topo.

Dra. Dayana explica que a queda de cabelo pode ser um sintoma de alguma outra doença mais grave e precisa ser investigada. "Se a pessoa tem uma calvície, que é quando o cabelo vai afinando de forma progressiva ao longo dos anos e que as mulheres percebem ao fazer um rabo de cavalo e os homens no aumento das entradas na testa, é necessário outro tipo de tratamento, sendo recomendado até mesmo o transplante", afirma.
Existem dois tipos de queda: a difusa - que é a comum, quando encontramos cabelo pela casa; e tem a alopecia areata, que é quando a pessoa fica com placas totalmente sem cabelo. "Essa é uma causa mais autoimune e tem um gatilho que ocasiona a doença. Pode afetar as crianças e nos homens pode ocorrer também na barba", descreve a dermatologista. 

Outro fator que pode ocasionar a queda é a oleosidade. "Muitos pacientes argumentam que não lavam o cabelo com frequência para evitar a perda de cabelo e deveria ser o contrário. A oleosidade aumenta o problema", ressalta. “A oleosidade obstrui os poros do coro cabeludo, o que dificulta a nutrição da raiz do cabelo.” 



ATENÇÃO!

Todas as informações sobre dieta, serviços de dieta e atividades físicas oferecidos pelo Suadieta não substituem a dieta, o acompanhamento e as atividades físicas prescritos por profissionais de saúde como: médicos, nutricionistas, psicólogos e profissionais de educação física, respectivamente.

A dieta proposta pelo Suadieta é pessoal e intransferível, ficando o usuário responsável por qualquer divulgação da dieta a terceiros.

© Suadieta - Todos os direitos reservados

Servidor:APP