LOGIN:

Digite seu email:
Senha:
Esqueceu a senha? Cadastre-se grátis


Plano de emagrecimento

FERRAMENTAS
& TABELAS


PLANO DE
EMAGRECIMENTO
SUADIETA

Plano de Emagrecimento

faixa_saude.png

PERNAS PODEM ESTAR DIRETAMENTE LIGADAS ÀS DORES NA COLUNA

Pernas podem estar diretamente ligadas às dores na coluna
Fisioterapeuta alerta sobre a posição correta das pernas durante atividades do dia a dia. Condicionamento físico também tem papel fundamental para evitar dores.
Imprimir
enviar por email
Compartilhe:
Com inúmeras atividades programadas, a rotina das pessoas está cada vez mais corrida. Simples ações que fazemos muitas vezes sem perceber, são repetidas em casa, no trabalho e no lazer. Com tantos compromissos, não damos a devida atenção a alguns membros do nosso corpo que são essenciais para a nossa locomoção. Muitos não sabem, mas as pernas podem estar diretamente ligadas às dores na coluna.

“A região do quadril faz a união entre as pernas e o tronco (coluna). Algumas alterações nessa área podem gerar dores na coluna, como, por exemplo, uma deformação na articulação Sacro-ilíaca - que fica entre o ilíaco, osso do quadril e o sacro – que também podem gerar dor na coluna lombar. O mesmo acontece com os membros inferiores, principalmente quando temos uma diferença entre eles, o que faz gerar uma sobrecarga e desvio postural em toda a coluna vertebral”, explica o fisioterapeuta Giuliano Martins, proprietário do ITC Vertebral Ribeirão Preto e diretor regional da Associação Brasileira de Reabilitação de Coluna (ABRColuna).

Segundo Martins, até o tipo de pisada e os joelhos valgos (desalinhamento para dentro) ou varos (desalinhamento para fora) podem gerar sobrecarga na coluna. “A pessoa que sente dores deve sempre procurar um profissional da saúde para uma análise de todo o corpo”, explica fisioterapeuta.

A posição errada durante algumas tarefas pode causar sérias lesões na coluna vertebral. “Ficar sentado sobre uma das pernas ou permanecer por muito tempo com elas cruzadas contribui com uma sobrecarga maior de um lado da coluna do que do outro, o que pode desenvolver uma escoliose (curvatura lateral da coluna vertebral).

Outro exemplo é quando o profissional trabalha sentado e a regulagem da sua cadeira não permite que ele coloque os pés no chão. Isso também pode gerar sobrecarga na região lombar. O ideal é sempre regular a altura da cadeira ou utilizar apoio para os pés”, recomenda o Martins. 

Os incômodos e as patologias na região lombar também podem aparecer por falta de fortalecimento muscular. “Uma boa tonificação das pernas permite que a pessoa faça tranquilamente o movimento de agachar, flexionando os joelhos para pegar algo no chão. Já quando a pessoa tem fraqueza nas pernas e nos joelhos, ela prefere curvar a coluna para buscar o objeto. O que gera sobrecarga na coluna causando dores e lesões”, comenta o profissional.

“Exercícios físicos como alongamento, caminhada, hidroginástica, musculação, pilates, entre outros, ajudam no enrijecimento dos músculos, os deixando mais resistentes contra as patologias. Hábitos saudáveis e boa alimentação também são fundamentais. Para quem possui alguma alteração nos membros, uma forma simples de combater o problema é o uso de palmilha ou calçado especial”, alerta o fisioterapeuta.

ATENÇÃO!

Todas as informações sobre dieta, serviços de dieta e atividades físicas oferecidos pelo Suadieta não substituem a dieta, o acompanhamento e as atividades físicas prescritos por profissionais de saúde como: médicos, nutricionistas, psicólogos e profissionais de educação física, respectivamente.

A dieta proposta pelo Suadieta é pessoal e intransferível, ficando o usuário responsável por qualquer divulgação da dieta a terceiros.

© Suadieta - Todos os direitos reservados

Servidor:APP